Como escolher o ar-condicionado ideal para sua casa

Existem muitos tipos de ar-condicionado, mas cada ambiente exige um modelo.

Você sabe como escolher o ar-condicionado mais indicado para a sua casa? Pois saiba que a escolha de um bom ar-condicionado depende muito do ambiente em que ele será instalado, como a área, número de eletrodomésticos instalados, número de pessoas e o tempo cujo ambiente é iluminado pelo sol.

Pode parecer apenas uma série de detalhes, mas esses dados influenciam diretamente no comportamento do aparelho. Se normalmente o ar-condicionado já é o maior consumidor de energia durante o verão, um aparelho com as medidas erradas gastaria muito mais do que o necessário.

Como escolher ar-condicionado

Explicando o BTU

Quando vemos um ar-condicionado a venda, umas das informações mais importantes é saber quantos BTUs ele provém. BTU é a sigla para British Termic Unit (Unidade Térmica Britânica), que, de uma maneira bem simples, se trata de uma unidade de medida que indica a quantidade de energia necessária para mudar em 0,5ªC a temperatura da água em pressão ambiente.

Por conta disso, podemos entender os BTUs como a potência do ar condicionado. Mas, ao contrário do que a indução pode nos levar a crer, simplesmente optar pelos modelos com o maior número de BTUs não é uma boa ideia. Por isso, é importante saber qual a potência que o cômodo irá precisar.

Calculando os BTUs

Para calcular os BTUs, você precisa saber o tamanho do cômodo, do número de pessoas que estarão nele e a quantidade de eletrodomésticos que estarão presentes. Por exemplo, para uma sala de 50 m² onde três pessoas usam três computadores:

Sala = 50 x 600 BTUs = 30000

Pessoas = 2 x 600 BTU = 1200 (sempre conte o número total de pessoas menos 1)

Eletrodomésticos = 3 x 600 = 1800

Somando esses três fatores, essa sala precisaria de 33000 BTUs para ficar resfriada. Porém, caso bata muito sol nesse ambiente, deve-se substituir o fator 600 BTU por 800 BTU. No caso desse exemplo, o total seria de 44000 BTU

Tipos de ar condicionado

Os tipos de ar-condicionado também podem influenciar na sua escolha. Por exemplo, o ar condicionado de janela, o portátil e o split.

O ar-condicionado de janela é o modelo mais tradicional e é indicado para ambientes menores. Para instalá-lo, é necessário aproveitar um buraco de janela ou parede. Esse tipo de aparelho costuma gerar mais ruído, e como interfere na fachada dos prédios, pode não ser indicado para alguns apartamentos

O ar-condicionado split leva esse nome por ser separar a parte que evapora o ar e a parte que a condensa. Existem diversos tipos de ar-condicionado split, que mudam conforme a instalação.

Já o ar-condicionado portátil é uma solução mais prática, porém não exclui a necessidade de ter uma saída de ar. Por isso, ele conta com um tubo extensor que pode ser colado em uma janela ou buraco na parede.

Agora que você já sabe como escolher o ar-condicionado mais indicado para cada ambiente, que tal ver os melhores no Efácil? Confira aqui diversos modelos de ar-condicionado.

Comente!

Deixe seu comentário