Café expresso x coado

Coado, expresso, com açúcar ou adoçante, brasileiro é apaixonado por café. Mas e você, sabe as diferenças entre o café expresso e o café coado? Para quem não sabe, essa denominação se refere ao processo em que o café é preparado e não ao grão do café. Confira abaixo as principais diferenças entre um e outro.

cafe expressoCafé Expresso

Modo de preparo – Preparado através de pressão em máquina especial.
Temperatura – Exatamente 90ºC
Quantidade de cafeína – Possui MENOS que o coado, pois fica menos tempo em contato com a água. A quantidade de cafeína no café expresso varia de 90 a 200 mg.
Cremosidade – Graças à pressão na hora do preparo, ele é mais denso e consequentemente mais cremoso, por isso aquela espuma característica.
Aroma e Sabor – Mais forte, consistente e concentrado, principalmente porque a quantidade de pó utilizada no preparo é maior.

 

 

cafe coadoCafé Coado

Modo de preparo – Coado em filtro de papel ou tecido.
Temperatura – Varia entre 90 e 95ºC
Quantidade de cafeína – Possui MAIS que o expresso. Possui de 150 a 300 mg de cafeína. Vale lembrar que a quantidade também é influenciada pela qualidade do grão e outros fatores externos.
Cremosidade – Menos denso e cremoso que o expresso, já que fica mais tempo em contato com a água.
Aroma e Sabor – Também possui um aroma e sabor agradável. No entanto, é bem mais suave se comparado ao expresso.

 

 

E para a saúde, tem alguma diferença?

Se engana quem pensa que o café é apenas uma fonte de cafeína. Ele também possui diversos outros nutrientes que podem ser extremamente benéficos para a nossa saúde, a cafeína representa no máximo 2,5%. Claro que existem diferenças entre a quantidade de nutrientes no expresso e no coado. No entanto, é mínima. Veja abaixo os principais nutrientes encontrados no café:

bebendo café

  • Ácidos clorogênicos – tem a função de antioxidante e representa de 7 a 10% no café. Essas substâncias também são antibacterianas, antivirais e anti-hipertensivas.
  • Niacina – uma vitamina do complexo B.
  • Minerais – como o potássio, magnésio, cálcio, sódio, ferro, manganês, rubídio, zinco, cobre, estrôncio e outros.
  • Aminoácidos – alanina, arginina, asparagina, cisteína, glicina e outros.
  • Lipídeos – como triglicerídios e ácidos graxos livres.
  • Açúcares – como sucrose, glicose, frutose, arabinose, galactose, maltose e polissacarídeos.

Quer ter um café delicioso na sua casa? A gente Simplifica! Conheça a loja eFácil de cafés.

Comentários

Comentários