Conheça mais sobre as casas com conceito aberto!

Conheça mais sobre as casas com conceito aberto!

ambiente todo em branco com decoração minimalista

Quando se trata de encontrar formas para deixar nosso lar do jeito que sempre sonhamos, muito se fala dos diferentes estilos de decoração que podem ser implementados em cada ambiente para transformá-lo. Mas bem além das cores, mobílias e artigos que podemos investir, a estrutura que o imóvel tem pode influenciar muito em como sua estética vai ficar.

Dentre as diversas maneiras nas quais uma casa ou apartamento pode ser projetado, existe uma que ganhou força nos últimos anos por sua versatilidade e vantagens: o conceito aberto! É bem provável que você já o tenha visto por aí, em lares que não dividem a cozinha da sala e, por isso, parecem ser bem maiores do que sua área por m² realmente diz que é.

Com toda a amplitude que oferece, muita gente fica curiosa em como integrar essa ideia dentro do próprio imóvel para torná-lo mais moderno e bem-aproveitado. Por isso, hoje nós juntamos todas as informações importantes sobre as casas de conceito aberto, além de 7 dicas de como ter uma para te deixar por dentro dessa estética super em alta.

Acompanhe a leitura com a gente para saber mais!

O que é um conceito aberto?

O conceito aberto nada mais é do que um ambiente amplo que integra salas de estar, jantar e cozinha em um único espaço. Ele veio de carona com o estilo industrial e os famosos lofts, que se tornaram populares nos Estados Unidos por volta da década de 70.

bela foto de uma cozinha moderna casa e sala de jantar

Nessa época, construções que antes acomodavam grandes fábricas e, por isso, contavam com pés direitos duplos e poucas divisórias nos ambientes, passaram a ser reaproveitadas pelo mercado imobiliário como áreas residenciais. Por conta do baixo custo, muita gente aproveitou a oportunidade e investiu nessas unidades, personalizando-as com seu estilo.

O resultado eram apartamentos, ou às vezes casas inteiras, com boa parte de sua área totalmente integrada, com exceção dos banheiros e quartos. Muitas vezes, esses ambientes já vinham divididos, pois antes eram escritórios das antigas fábricas, ou eram delimitados pelas próprias imobiliárias para tornar o imóvel mais atrativo.

Com o passar do tempo, esse tipo de conceito ganhou popularidade nas grandes cidades, onde muita gente procurou lugares assim para viver, ou criavam seu próprio imóvel de conceito aberto através de reformas em casa. O fato é que, desde que surgiu e ganhou força, essa ideia de amplitude e integração vem mostrando muita versatilidade e provando que veio para ficar.

Quais as vantagens de ter uma casa de conceito aberto?

Muito além da estética, ter uma casa de conceito aberto traz diversas vantagens funcionais, como:

cozinha domestica de luxo com elegante design de madeira

 

  • Sensação de amplitude no ambiente, mesmo em imóveis mais compactos;
  • Mais iluminação natural no espaço, já que não há paredes bloqueando a passagem de luz entre a maioria dos cômodos;
  • Facilidade de circulação pela casa e também na hora de limpá-la;
  • Chances de economizar na conta de energia, já que a(s) lâmpada(s) e até o ar condicionado certo podem acomodar todo o ambiente;
  • Maior integração das pessoas ao realizar eventos em casa — esse tipo de conceito permite que quem prefere ficar no sofá possa se comunicar a todo momento com aqueles que curtem estar perto do preparo das refeições, sem paredes os separando.

Quais as desvantagens das casas de conceito aberto?

Assim como tudo no mundo do design, as casas de conceito aberto podem não agradar a todos e conta com algumas desvantagens, como:

  • Possibilidade de existirem pilares indesejados no meio do ambiente, impossíveis de tirar devido à estrutura do prédio;
  • Falta de privacidade, especialmente se você não mora sozinho e usa áreas comuns da casa para fazer o seu setup home office — a falta de silêncio e circulação de pessoas pode ser um problema para alguns;
  • Risco de não haver estrutura hidráulica e fiação elétrica suficiente para suprir todo o ambiente, muito comum em casas que passam por reformas para serem abertas e acabam tendo a parede errada derrubada.

Para evitar que essas questões apareçam e atrapalhem o seu bem-estar em casa, é preciso ponderar bem se esse é um conceito que se encaixa no que você deseja como lar. Além disso, olhar com atenção a infraestrutura e forma com que foi o prédio foi arquitetado para que ele atenda às necessidades de quem vai morar nele também ajuda a encontrar o imóvel ideal.

Como fazer um conceito aberto em casa? 7 dicas!

Seja você um atual residente em uma casa de conceito aberto, ou alguém que deseja trazer a amplitude para seu lar, uma boa forma de deixar o ambiente do jeitinho que sempre quis é buscando ideias e inspirações. Por isso, a gente separou 7 truques infalíveis que vão tornar esse processo ainda mais fácil e divertido, acompanhe:

casa em conceito aberto1. Escolha pisos semelhantes em todo o espaço

Por mais que o imóvel de conceito aberto consiga integrar diferentes cômodos em um só, é importante que ele siga parecendo o que é por essência. Por isso, mantenha o mesmo piso no ambiente para que tudo se integre naturalmente — é claro que, no caso da cozinha, você pode substituir pisos de madeira por porcelanatos da mesma paleta, por exemplo, para facilitar a manutenção.

 

interior branco de um quarto

2. Brinque com as cores nas paredes

Mesmo nas casas de conceito aberto simples, as cores podem ser grandes aliadas e ajudar a fazer transformações impactantes no visual — não é à toa que o círculo cromático é um grande aliado da decoração. Aproveite a distância entre as paredes que envolvem seu ambiente e aplique pinturas ou papéis de parede, em tons claramente contrastantes.

mulher segurando uma paleta de coresAlém de exigir pouco trabalho, essa é uma ótima maneira de delimitar o que cada canto vai acomodar, seja a cozinha ou sala, por exemplo. E nem é necessário investir em tonalidades fortes demais se esse não é seu estilo: aplicando branco em uma superfície e azul-marinho ao lado já ajuda a criar uma estética diferenciada enquanto preserva uma linha mais clássica.

3. Setorize bem os diferentes cômodos

A delimitação dos espaços é muito importante para a organização da sua casa ou apartamento de conceito aberto, pois permite que cada coisa fique no seu devido lugar e não haja coisas jogadas para todos os lados. Mas, sem as paredes dividindo os cômodos, é importante se jogar na criatividade e apostar em outras ferramentas, como:

design moderno de cozinha de luxo com decoração elegante em mármore de material de madeira

 

  • Móveis em paletas de cores, texturas e materiais diferentes para cada área;
  • Cozinhas com ilhas, que podem manter os eletrodomésticos de um lado e uma área gourmet ou sala de jantar do outro;
  • Tapetes nas salas de estar e jantar ajudam a criar um limite mais visível, pois sofás, estantes e mesas podem orbitar à sua volta;
  • Divisórias de madeira com pequenos vãos, feitas no estilo DIY, podem ser ótimas para separar seu espaço home office da sala;
  • Estantes amplas e sem fundo como divisórias entre sala e cozinha, por exemplo — os nichos vazados de ambos os lados podem acomodar plantas, artigos decorativos e até livros que ficam visíveis nas duas áreas.

4. Aproveite ao máximo o pé direito duplo

Se a sua casa de conceito aberto possui um pé direito duplo, é possível tirar o máximo proveito dele com algumas técnicas. Se você curte lustres ou lâmpadas pêndulas, é possível apostar em grandes peças nesse estilo que, além de terem potência para iluminar o ambiente todo, ainda ganham destaque na decoração.

 

villa de luxo com piscina espetacular design contemporâneo arte digital imobiliária casaOutra maneira de utilizar as dimensões do seu imóvel é criando um mezanino, seja para uma mini biblioteca caseira ou escritório e ter mais privacidade.

5. Mantenha a circulação livre

Além de delimitar bem os diferentes “cômodos” do seu conceito aberto, manter a passagem livre para você, outros moradores e convidados é muito importante. Para não causar problemas de circulação, escolha bem as dimensões dos móveis e artigos de decoração que vão fazer parte dos ambientes e crie “corredores” bem visíveis entre uma área e outra.

entrada de estilo moderno6. Escolha bem o estilo de iluminação

A escolha da iluminação é muito importante, mesmo nas casas de conceito aberto que, em sua maioria, já contam com a vantagem da luz natural. Aqui, além dos lustres e lâmpadas pêndulas que citamos na dica 4, é possível apostar em luminárias de chão para um efeito mais intimista e de destaque em cada área.

lâmpadas retrô penduradas no teto casa moderna

Aliás, uma boa maneira de criar efeitos incríveis na iluminação sem levar surpresas ao receber a conta de energia é apostando em espelhos próximos aos focos de luz — quando bem posicionados nas paredes, eles ajudam a refletir a claridade por todo o ambiente!

7. Lembre-se de manter o ar limpo

Todo espaço amplo precisa que o ar circule de forma livre e limpa, e isso não é diferente para os imóveis de conceito aberto. Aqui, nossa dica é apostar nas plantas, que ajudam na oxigenação do espaço, além de trazerem um toque de natureza incrível ao seu lar.

estufa de flores

Você pode até mesmo criar seu próprio jardim dentro de casa ou investir em plantas maiores, como palmeiras, jiboias e filodendros, dando total liberdade a elas para crescerem por completo e criando uma estética de tirar o fôlego.

Seja você alguém que já vive numa casa de conceito aberto ou apenas com a vontade de ter uma, o fato é que ideias não faltam para transformar esse estilo de arquitetura no ambiente perfeito para relaxar e criar memórias incríveis. Se você curtiu esse conteúdo e quer ter mais inspirações para transformar seu lar, aproveite para conferir nossas 6 dicas de decoração para área de churrasco!


Gostou do conteúdo? Então compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.